Atenção!

A Profox, alinhada às recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e demais organizações e autoridades informa que adotou as seguintes decisões com o objetivo de resguardar a saúde e a segurança de funcionários e clientes e minimizar a propagação do contágio do novo Coronavírus:

Nossas

medidas 

práticas

  • Encerramento do atendimento presencial ao público;

  • Produção:

    • Revezamento dos funcionários. A nossa produção está trabalhando em dois turnos diferentes para evitar a aglomeração.

    • Os turnos são de 4 horas para minimizar a exposição;

    • Ressaltamos que todas as medidas de segurança e higiene estão sendo tomadas e que o grupo de risco já foi afastado.

 

  • Parte da equipe administrativa está atendendo em regime de home office;

  • Outra parte da nossa equipe está em período de férias;

  • O nosso site continua funcionando normalmente, recebendo todos os pedidos;

  • O prazo de produção também foi mantido (cada produto tem o tempo de produção descrito no site, mas a média para os álbuns é de aproximadamente 15 dias)

  • Atenção: Os pontos de retirada não estão funcionando. Estamos apenas enviando pelos Correios ou transportadoras. 

  • Nas locais que temos entregadores fazendo rota (Brasília, Goiânia e Fortaleza) também estamos realizando as entregas. Elas devem ser combinadas com cada filial.

Estamos atendendo a todos os clientes pelos canais online e por telefone

Nosso novo horário de

atendimento  é das 9h até as 17h
 

Converse conosco pelos seguintes canais: 

Email - faleconosco@profoxlab.com.br

Chat do site www.profoxlab.com.br

 

Telefones:

61 3562-4344  / 61 98209-9497 gerência Brasília

62 3224-4789 / 62 98176-3270 gerência Goiânia 

85 3077-4416 / 85 98739-4629 - gerência Fortaleza

Não há uma previsão concreta de retorno à normalidade, pois não sabemos ao certo até quando as medidas de restrição vão durar.

IMPORTANTE

A Profox está estudando medidas e ações para auxiliar nossos clientes e parceiros neste momento.  Juntos vamos encontrar soluções viáveis para o enfrentamento da crise gerada pela pandemia do novo coronavírus.